Loja
Número Verde
800 209 900
(chamada gratuita)
0,00 

Carrinho

Checkout Seguro
0
ds_favicon
Loja
0,00 

Carrinho

Checkout Seguro
0
logo_dar_saude
Loja
0,00 

Carrinho

Checkout Seguro
0

Blog

8 de Março, 2022

12 tendencias de marketing digital para 2023

1. A maior tendência para 2023 é o Conversational Marketing Nada melhor que começar esse post com uma tendência apontada pelo CEO da RD Station, Eric Santos: “Entendemos que, mesmo em relações B2B, clientes e prospects atualmente demandam formas imediatas de contato e querem um canal em tempo real para atendimento. Trazendo isso para uma […]

1. A maior tendência para 2023 é o Conversational Marketing

Nada melhor que começar esse post com uma tendência apontada pelo CEO da RD Station, Eric Santos:

“Entendemos que, mesmo em relações B2B, clientes e prospects atualmente demandam formas imediatas de contato e querem um canal em tempo real para atendimento. Trazendo isso para uma realidade brasileira, a principal ferramenta hoje é o WhatsApp.”

Foi isso que o Eric disse quando anunciamos a compra da TALLOS, uma das maiores startups de atendimento digital do Brasil, em agosto. Essa aquisição mostra o quanto acreditamos aqui na RD que o Conversational Marketing é a maior tendência de Marketing Digital para 2023 e os anos seguintes.

E temos números para reforçar essa percepção, é claro! O WhatsApp é o aplicativo de mensagens mais utilizado no país, com 120 milhões de usuários. Uma pesquisa interna com cerca de 40 mil clientes da RD Station destacou os seguintes resultados, comparando 2021 e 2022:

  • Aumento de 43% do número de contas utilizando o Botão do WhatsApp
  • Crescimento de 90% de contas utilizando a extensão de WhatsApp para CRM;
  • Conversões usando as ferramentas de WhatsApp cresceram quase 70%;
  • Fechamentos de vendas com as funcionalidades aumentaram 40%.

Os brasileiros se acostumaram a agendar consultas, tirar dúvidas sobre produtos e serviços e a fazer compras com poucos cliques pelo WhatsApp. Se isso facilita muito a vida do consumidor, pode complicar a da empresa caso ela não esteja preparada. A criação de chatbots e automações de atendimento é a solução ideal para esse cenário.

O Conversational Marketing trata disso e ainda permite criar conversas que reforçam e criam vínculos entre clientes e empresas. Você pode criar fluxos humanizados de mensagens, que ajudam de fato seus Leads e clientes a resolverem seus problemas com as soluções oferecidas pelo seu negócio. Veja um exemplo abaixo:

Fluxo de Marketing Conversacional

É bom dizer que a ideia não é deixar sua estratégia de Marketing dependente do WhatsApp. Ele se insere em uma jornada multicanal, em que vários pontos de contato proporcionam diferentes experiências e conduzem Leads em momentos diversos até a compra. Olha o que diz a Andressa Melo, coordenadora de Marketing aqui da RD, sobre isso:

“Apesar de não ser um tema novo, como muitos canais novos – como o WhatsApp – têm surgido, é um desafio alinhar a comunicação e criar uma jornada multicanal consistente. É importante que as empresas tenham isso mapeado para 2023.”

Se você concorda conosco e vê o Conversational Marketing como uma forte tendência para 2023, aprofunde-se com os cursos da RD University sobre Marketing e Vendas no WhatsApp – um deles é até gratuito

E aproveite também para conhecer todas as funcionalidades que a RD Station oferece para o seu negócio conversar, de fato, com seus clientes. É só clicar abaixo!

Funcionalidade de WhatsApp do RD Station

2. Eventos híbridos para aumentar o alcance do conteúdo e do networking

Se 2022 foi marcado pelo retorno nos eventos presenciais, 2023 deve consolidar os encontros híbridos. Estávamos com saudades dos apertos de mão, dos abraços e de estar na mesma sala de palestrantes e painelistas, mas ao mesmo tempo percebemos que algumas possibilidades do remoto não devem ser desperdiçadas.

Da mesma forma que os modelos de trabalho híbridos e remotos permitem a contratação de talentos fisicamente distantes, os eventos que combinam o presencial e os vídeos (ao vivo e on demand) proporcionam levar o conteúdo e o networking a muito mais gente. Quer um exemplo? O nosso querido RD Summit!

Suspenso desde 2019 pela pandemia de Covid-19, o evento voltou neste ano com muitas novidades, entre elas o crescimento do RD Summit Live Show. Ele já existia, mas foi ainda mais integrado ao que estava acontecendo presencial. 

Além das tradicionais entrevistas com palestrantes, colocamos mais câmeras circulando pelo Centrosul, em Florianópolis, inclusive com links ao vivo no meio do público e interações focadas no entretenimento.

Durante os 3 dias do evento, cerca de 11 mil pessoas viram as palestras, fizeram networking, visitaram estandes, fecharam negócios e tomaram chopp. Além delas, tivemos quase 30 mil inscritos para a versão online, quase quadruplicando o total de participantes.

A inscrição para o Live Show era gratuita, dando acesso a mais de 30 horas de conteúdos ao vivo e on demand. Nossos “onlainers” puderam ver entrevistas no nosso estúdio com grandes especialistas em Marketing Digital e Vendas, conteúdos educativos, rolês dos nossos intrépidos repórteres pelas ativações de parceiros e demonstrações dos produtos da RD Station. 

Como se não bastasse tudo isso, rolou muito networking no chat e nos ambientes virtuais da plataforma da Transformação Digital, onde fizemos a transmissão.

Além de reforçar a marca RD Station e retomar a grife RD Summit levando-as para ainda mais pessoas virtualmente, as possibilidades do híbrido ainda geraram cerca de 4 mil conversões nos materiais, ferramentas e testes gratuitos que divulgamos na live. Ou seja, levamos conteúdo de qualidade ao nosso público remoto e, de quebra, iniciamos novos relacionamentos que podem virar vendas.

“Ah, mas minha empresa é pequena, o evento de vocês é enorme, RD Summit o que tenho a ver?” Comece organizando uma palestra para seus clientes e transmitindo ao vivo pelo YouTube para uma base de Leads!

3. Webinars como principal conteúdo educativo

Ainda falando em vídeos e mundo híbrido, nós aqui da RD Station enxergamos os webinars como o principal conteúdo educativo e de geração de Leads. Em 2022, ainda atualizamos alguns eBooks e ferramentas, mas focamos nossos esforços em webinars periódicos.

Os fatores que nos levaram a fazer isso são múltiplos:

  • As pessoas cada vez mais querem consumir vídeos;
  • Sensação de urgência com eventos ao vivo;
  • Trazer convidados com diferentes visões para o nosso público;
  • Apresentar nossos produtos em um formato de live commerce;
  • Reforço da RD como uma media house;
  • Aceleração de novas conversões usando o chat e QR codes;
  • Geração de conteúdos para o nosso canal do YouTube;
  • Eu já disse que as pessoas adoram consumir conteúdo em vídeo?

Como dito, não abandonamos os outros formatos, mas concentramos nossos esforços de produção em webinars e eventos online. Os que trouxeram melhores resultados foram o Marketing Day e o Social Media Day, que dialogam com dores do público que consome nossos conteúdos. Apenas nesses dois, geramos mais de 50 mil Leads!

São números bem grandes, mas você pode adaptá-los à sua realidade e planejar seu webinar de acordo com seus objetivos.

Eu pedi para o Jonatan Rodrigues, produtor de Conteúdo e responsável pelos webinars aqui na RD, reforçar os motivos de nós apostarmos tanto nesse modelo:

“Os números comprovaram que os webinars não só aumentam a popularidade e a visibilidade de uma marca, como também é o formato de conteúdo que mais atrai Leads Qualificados. Vale destacar que o formato em vídeo chama muita a atenção pelas diferentes possibilidades de criar conteúdos ao vivo, gravados e por permitir interações diretas com o público que está assistindo, que podem participar do conforto de sua própria casa ou do escritório. O mais importante é que esse formato acaba funcionando como um novo canal de divulgação, dando a possibilidade de realizar, durante as transmissões, CTAs mais direcionados para seus produtos e serviços.”

Para encerrar o tópico, além dos webinars, acreditamos que as demonstrações de produto estão entre as mais importantes tendências de Marketing Digital para 2023. Elas também podem ser feitas ao vivo ou sob demanda, personalizado o tema de acordo com a segmentação da base, por exemplo. Dê uma olhada na que lançamos em novembro, focada em WhatsApp.

4. Comunicação mais simples e rápida

Eu sei que parece incoerente dizer isso no meio de um textão, mas pense em ações de comunicação que passem o conteúdo de forma simples e rápida. Não precisa ser tudo do tamanho de um tuíte, mas insira essa lógica na sua estratégia.

Olha o que disse a Mirela Dufrayer, líder de Marketing da WGSN, no RD Summit:

“Existe uma névoa cerebral que está crescendo à medida que avançamos na Era da Informação. O aumento exponencial de dados e informações tem aumentado a dificuldade das pessoas de absorver e processar conhecimento. É por isso que precisamos entregar informações cada vez mais simples de entender.”

O fato é que as pessoas estão cada vez mais acostumadas a consumir vídeos curtos e stories, seja nas redes sociais, no WhatsApp e no aplicativo do Google. Você pode lamentar e, também, planejar como conversar com esse consumidor. Já reparou, por exemplo, como os anúncios no YouTube estão cada vez mais curtos, às vezes durando 3 segundos, para evitar que o usuário pule?

Mesmo em SEO a tendência para 2023 é de consumo rápido. Sim, a turma de SEO que sempre disse para fazermos posts gigantes com tudo sobre o tema, agora vê com bons olhos atrair leitores (ou visualizadores) que não ficam muito tempo nos seus ativos de conteúdo.

A nossa especialista em SEO aqui na RD, Andressa Laux, até sugeriu destacar o trabalho que fizemos com Web Stories no RD Summit. Eles trouxeram bastante tráfego e ainda permitiam colocar CTAs! Dá uma olhada abaixo:

Palestra Jacco van der Kooij – RD Summit 2022

Palestra Jacco van der Kooij – RD Summit 2022

Palestra Bianca Andrade (Boca Rosa) – RD Summit 2022

Palestra Bianca Andrade (Boca Rosa) – RD Summit 2022

Curso WhatsApp

Curso WhatsApp

Palestra April Dunford – RD Summit 2022

Palestra April Dunford – RD Summit 2022

5. Marketing e Vendas cada vez mais juntos e conversando ainda mais

Não dá mais para Marketing ficar focado em gerar Leads sem critérios e Vendas tentar fechar negócio com todos esses contatos. Isso não é eficiente. É preciso que as duas áreas trabalhem juntas, planejando, analisando e se responsabilizando pelo processo todo de forma unificada. Dessa forma é possível atingir o Crescimento Previsível.

Acreditamos que o Marketing precisa passar a olhar o funil inteiro, até o momento da compra, buscando melhorar sua estratégia. Vendas, por sua vez, passa a ser uma área facilitadora, guiando o cliente, de forma personalizada, usando de forma estratégica as informações que vêm do Marketing, até fechar negócio.

Para que isso aconteça, é fundamental ter ferramentas de Marketing e Vendas totalmente integradas. Assim, é possível que as áreas troquem dados e informações para garantir a visibilidade de toda a jornada de compra, tornando a operação mais inteligente e cooperativa.

Acreditamos tanto nisso e vemos como uma tendência tão forte para os próximos anos que fizemos o manifesto do Crescimento Previsível! Clique no banner abaixo para saber mais.

Tendência de Marketing para 2023: Crescimento Previsível

6. Curadoria de conteúdo e newsletters para poupar tempo do seu público

“A gente vive uma época em que é muito fácil produzir e acessar conteúdo, e é mais fácil ainda se perder nesse conteúdo”, diz Hernane Jr., CEO da the news. A newsletter editada por ele se consolidou, justamente, por fazer as pessoas encontrarem conteúdos relevantes, ou seja, pelo trabalho de curadoria.

Hernane Jr. e a the news são um exemplo da força da combinação entre os criadores de conteúdo e as newsletters. Esse papel de analisar e filtrar informações e novidades sobre um nicho pode perfeitamente ser realizado por uma empresa. Desde que haja foco nos interesses da base, o potencial é muito grande.

Além disso, iniciativas como o Substack e os publicadores de newsletters do LinkedIn e do Twitter dão ainda mais fôlego a esse canal, amplificando a voz de quem já faz um trabalho nessas redes. E, é claro, criam mais espaço para novos criadores.

Mais uma vez, recorro a uma frase da Mirela Dufrayer dita no RD Summit:

“Hoje existe a fadiga de escolhas, as pessoas estão de saco cheio de ter que analisar opções e escolher o que ler,ver e comprar. Por isso, entregar uma curadoria pronta – como nas newsletters – aumenta o engajamento e dá a sensação de que a marca facilita a vida do público.”

Você já conhece a newsletter de Conteúdo da RD, falando nisso? Chega toda sexta-feira na sua caixa de entrada e é feita por este que vos fala. Assina aí, é legal!

7. Conteúdo cada vez mais personalizado usando a automação

Não faz mais sentido fazer ofertas e mandar mensagens que não dizem nada para os seus Leads. Recentemente, nós até fizemos um vídeo aqui na RD para ilustrar a importância da personalização da abordagem. Assista:

Com as possibilidades oferecidas pela automação de Marketing combinadas pela segmentação, é possível criar jornadas super personalizadas. Dessa forma, a sua empresa não perde tempo ou dinheiro investindo em um relacionamento para, no fim, errar no momento crucial da oferta.

Saiba mais sobre o que a automação e segmentação do RD Station Marketing pode fazer pelo seu negócio. Veja um exemplo no GIF abaixo, retirado da ferramenta. Spoiler do resultado: gerar muito mais vendas!

Exemplo de automação no RD Station Marketing

8. TikTok e as mudanças em mídia paga e dados para 2023

As turbulências no Facebook e no Twitter passam diretamente, além de outras coisas, pela reorganização dos gastos em mídia paga nas redes sociais. O investimento nos Estados Unidos estagnou pela primeira vez em 2022, após uma sequência de muitos anos com o gráfico sempre mirando para cima.

Uma reportagem do Financial Times (aqui traduzida pela Folha de São Paulo) aponta alguns culpados, como o contexto econômico, a migração da verba para plataformas de ecommerce, o Mark Zuckerberg, o fim do rastreamento de usuários em dispositivos da Apple e, principalmente, o TikTok.

Por que principalmente? Porque o TikTok mudou o consumo de conteúdo na internet e fez com que concorrentes mudassem completamente para correr atrás do seu sucesso. O maior exemplo é o Instagram, que resolveu abandonar de vez o posicionamento de ser o álbum de fotografias das pessoas para virar uma grande vitrine de produtos focada no Reels e seus vídeos rápidos. O YouTube, a casa dos vídeos longos e aprofundados, também cada vez mais direciona a atenção dos usuários para os Shorts. E aí?

E aí que está cada vez mais difícil competir pela curtíssima atenção dos internautas com o TikTok. Aparentemente, tentar copiar o modelo não está levando a verba de mídia paga junto. Então, uma tendência de Marketing para 2023 é colocar uma graninha no aplicativo (que já não é só) das dancinhas.

Para complementar esse item, pedi dicas do que ficar de olho em 2023 para os especialistas em mídia paga da RD, Vitor Brito e Daniel Nolasco. Veja o que eles indicaram:

  • Entender melhor os dados em um mundo sem cookies, mesmo com o Google adiando a transição para o primeiro semestre de 2024;
  • Foco em conteúdo de vídeo também em mídia paga, fazendo testes com as possibilidades das smart TVs;
  • Se ainda não se preparou para a mudança para o Google Analytics 4, comece agora mesmo (tem um guia legal aqui);
  • Mais personalização da comunicação com o usuário, deixando as ferramentas de Ads trabalharem com seus próprios algoritmos para definirem as segmentações baseadas nos dados da conta.

Sobre o último ponto, o Daniel disse o seguinte: 

“Hoje o trabalho que nós temos em gerar listas personalizadas, buscar audiências nativas que se encaixam com nosso público-alvo e criar lookalikes já é algo que as próprias ferramentas estão dizendo pra fazer menos e deixar tudo mais aberto.”

eBook de Planejamento para 2023

9. Conteúdos imersivos e interativos

Quando eu era estudante de jornalismo na Universidade Federal de Santa Catarina, entre 2007 e 2011, a moda era o chamado “especial multimídia”. Eram reportagens com texto, vídeo, áudio, imagens e muita interatividade em um só lugar, geralmente construídas a duras penas em Java. Acreditávamos que aquilo era o futuro da profissão.

Estávamos meio certos: as pessoas de fato consomem conteúdo em múltiplos formatos, mas em diversos lugares e sites diferentes. Vídeos longos no YouTube, podcasts no Spotify, fotos no Instagram, etc. Ou ao menos era assim, como vimos anteriormente, graças ao TikTok.

Pois bem, não é que os conteúdos interativos são uma tendência de Marketing para 2023? Eu sabia que um dia eles iam bombar!

O foco, porém, é mais na interatividade e menos na multimídia, a estrela é mesmo o texto escrito. Neste especial multimídia conteúdo interativo do Talk With Google, você vai navegando na sequência que quiser para aprender sobre Inteligência Artificial.

Outro exemplo é a nossa RD University, em que os cursos misturam vídeos, materiais de aprofundamento em texto, uso de ferramentas e muito mais. Experimente abaixo, tem muita coisa gratuita para você aproveitar!RD University Logo

Marketing Digital na prática e sem enrolação

Mais de 200 mil pessoas já se desenvolveram com os cursos da RD University.INSCREVA-SE

  • Sua inscrição é gratuita.
  • Ao preencher o formulário, concordo * em receber comunicações de acordo com meus interesses.
  • Ao informar meus dados, eu concordo com a Política de privacidade.

* Você pode alterar suas permissões de comunicação a qualquer tempo.RD University Logo

Pronto!

Agora é só criar sua senha e escolher seu curso.

São mais de 20 opções pra se especializar!COMECE GRÁTIS

  • Sua inscrição é gratuita.
  • Ao preencher o formulário, concordo * em receber comunicações de acordo com meus interesses.
  • Ao informar meus dados, eu concordo com a Política de privacidade.

* Você pode alterar suas permissões de comunicação a qualquer tempo.RD University Logo

Oba!

Você já faz parte da RD University

Então, escolha seu próximo curso: são mais de 20 opções para se especializar em Marketing e Vendas. Alguns são gratuitos, inclusive!EXPLORAR CURSOS

  • Sua inscrição é gratuita.
  • Ao preencher o formulário, concordo * em receber comunicações de acordo com meus interesses.
  • Ao informar meus dados, eu concordo com a Política de privacidade.

* Você pode alterar suas permissões de comunicação a qualquer tempo.

10. O poder das comunidades como potencializadoras de vendas

Falando na RD University, além de ser a nossa plataforma de cursos e educação de Marketing e Vendas para o mercado, ela também está criando uma comunidade de alunos. Buscamos criar um sentimento de pertencimento, oferecendo certificados e um programa de indicação interno, por exemplo, com promoções exclusivas. 

Queremos que nossos alunos ganhem conhecimento de valor, avancem em suas carreiras e, assim, sejam os maiores divulgadores da nossa querida RDU. Esse é o resultado da criação de uma comunidade, que esperamos alcançar. Já temos ótimas experiências com nossa comunidade de clientes do RD Station e de agências parceiras.

A comunidade digital pode virar um ativo de Marketing e Vendas. Isso porque o empreendedor ou gestor da empresa não precisa ir dormir e acordar pensando em como conseguir mais clientes. Olha só o que ela pode trazer:

  • Transformar o você vende em algo mais do que só um produto ou serviço: em uma causa;
  • Estreitar o relacionamento com o cliente;
  • Aumentar a fidelização e a retenção dos clientes;
  • Aumentar o lifetime value (LTV);
  • Fazer mais vendas por indicação.

Lembre-se de que esses atuais clientes podem comprar mais de você. Seu negócio pode oferecer possibilidade de cross sell e up sell, por exemplo, aumentando sua rentabilidade. Se nem sempre vão querer comprar, eles podem te pagar com informações, respondendo pesquisas que trazem novas percepções sobre seus produtos ou serviços.

11. Conteúdos baseados em dados e com análises mais profundas

Aqui na RD, estamos tendo excelentes resultados com conteúdos baseados em dados e análises mais aprofundadas. Um exemplo bem legal é o post recente que publicamos com um estudo da nossa base de clientes, analisando o uso das ferramentas de WhatsApp em Marketing e Vendas. Combinamos storytelling e dados, com direito a infográfico (abaixo).

Infográfico dados de WhatsApp

Antes de mais nada, é um material muito valioso, que traz insights super relevantes para quem lê. Como se não bastasse, o nosso estudo acabou sendo tema de reportagens em veículos de comunicação relevantes, ampliando o alcance da nossa marca e ajudando a reforçar a nossa autoridade sobre o tema.

Muitas vezes, os números gerados pelos seus clientes atuais podem gerar relatórios ou mesmo posts que são interessantes para clientes em potencial. Eles acabam sendo, também, uma prova de que seu produto ou serviço entrega resultados. 

Nós usamos as ferramentas de análise do RD Station Marketing para isso. Faça um teste gratuito de 10 dias da ferramenta e conheça as suas principais funcionalidades – só deixar o seu email abaixo!

Acompanhe os dados de suas ações de Marketing Digital e faça otimizações

O RD Station Marketing é a melhor ferramenta para automação de Marketing Digital tudo-em-um para sua empresa. Com ele, você recebe relatórios completos de suas campanhas, faz análise de canais e define as etapas do seu funil baseado em dados! Faça um teste gratuito de 10 dias.TESTAR GRÁTIS!

  • Ao preencher o formulário, concordo* em receber comunicações de acordo com meus interesses.
  • Ao informar meus dados, eu concordo com a Política de privacidade.

*Você pode alterar suas permissões de comunicação a qualquer tempo.

12. Nunca deixe a criatividade de lado

Seguir tendências e tentar copiar ações de Marketing que deram certo em outros negócios não é garantia de sucesso. Pelo contrário: pode limitar a sua capacidade própria de produzir coisas novas e criar ações e campanhas que se comunicam perfeitamente com o público do seu negócio. A criatividade, essencial em tudo que fazemos, só floresce quando é livre.

Olha que o diz um dos fundadores da RD Station, o André Siqueira:

“Existem metodologias que podem ser estudadas e aplicadas, mas é preciso pensar profundamente a respeito delas e fazer as adaptações necessárias. Não fique pulando de galho em galho, vale mais a pena se aprofundar naqueles canais em que você tem condições de atuar melhor.”

Por fim, uma dica minha mesmo: consuma conteúdos que te desafiem e tragam ideias diferentes. Em geral, eles estão em livros, blogs, podcasts e canais de vídeo que não são do nosso mercado. Arrisque-se e crie novas conexões no seu cérebro em 2023!

Article written by werwer werwer
magnifiercross